Conversa de Sofá

Por Shaira Costa em 02/02/2017

Conversamos com “Apoka” sobre a criação da Merciless Gaming, nova organização brasileira de eSports

Com vários veteranos em sua lineup de COD e CS:GO, ex-treinador da Luminosity Gaming anuncia criação da Merciless Gaming, nova organização brasileira de eSports.

Alexandre “Apoka” Marcucci é um dos maiores entusiastas do cenário competitivo de esportes eletrônicos, ele já atuou como manager, organizador de eventos e seu trabalho mais recente foi como treinador da Luminosity Gaming, que atualmente está nos EUA disputando campeonatos com elenco totalmente brasileiro.

Apoka anunciou na última quarta-feira de janeiro (25), em um evento fechado no Stomp E-Sports Bar em São Paulo, a criação da organização de eSports Merciless Gaming. A equipe a princípio pretende ter duas equipes, uma de Call of Duty que atuará no exterior, pois é onde o cenário do jogo é mais forte, e uma de Counter-Strike: Global Offensive que ficará no Brasil.

Confira abaixo a line-up de Call of Duty da Merciless Gaming:

  • Leandro “Le” Gouveia
  • Lucas “LuKinas” Colasso
  • Caio “CaioMeister” Borges
  • Diogo “Krevz” Moritz
  • Thyago “Rocky” Silva (Treinador)

A equipe de CS:GO da Merciless foi montada de forma integral após a conquista da ESL Premier League, confira abaixo a line-up:

  • Arthur “prd” Resende
  • Guilherme “spacca” Spacca
  • Felipe “delboNi” Delboni
  • Bruno “BIT” Fukuda
  • Denner “KHTEX” Barchfield

Nós conversamos com Apoka sobre a recém criada equipe e um pouco sobre o cenário dos eSports no Brasil, confira abaixo:

Conversa de Sofá – Jogos de tiro em primeira pessoa vão ser o foco da organização ou há outros jogos em mente?

Apoka – Os jogos de tiro em primeira pessoa foram os que já estão oficialmente anunciados, porém a organização tem como foco melhorar a estrutura e condições de todos os jogos eletrônicos possíveis. League of Legends e FIFA por exemplo nos interessam bastante.

Conversa de Sofá – Infelizmente o cenário nacional de CS não tem uma boa estrutura atualmente, o que você acha que falta e como pretende contribuir para a profissionalização do cenário em âmbito nacional?

Apoka – Acho que falta muita coisa mas o principal é a união de todos e um calendário oficial! Iremos lutar para isso e tenho certeza que o CS mostrará sua força tanto internacional, quanto nacional!

Conversa de Sofá – Como surgiu a oportunidade de montar uma organização brasileira que atua no exterior? Na line-up de CS há nomes consagrados do cenário mas e quanto a line-up de COD, o que há de diferente nos integrantes que te levou a investir neles?

Apoka – Foi o nosso projeto mais ousado e só possível pelos contatos que fiz durante meu tempo na Luminosity. O CS ficará no Brasil e a missão é fortalecer o cenário aqui e representar uma organização BRASILEIRA lá fora. O Call of Duty tentamos juntar os 4 melhores jogadores do Brasil, a seleção para tentar representar e mostrar a força do Call of Duty brasileiro (Jogo muito grande lá fora) para quem sabe posteriormente levar mais jogadores.

A Merciless Gaming pretende seguir os mesmos passos de organizações como FaZe Clan e OpTiC Gaming que também apostaram no COD e cresceram sendo hoje referências não só no CS como em outros jogos. A equipe já confirmou presença esse ano na Brasil Game Cup e nos campeonatos profissionais da GamersClub.

Você pode acompanhar as novidades da Merciless Gaming no Twitter, Instagram, Facebook e também no YouTube.

Colaboro no Conversa de Sofá e escrevo sobre eSports no Arena Eletrônica.
DEIXE UM COMENTÁRIO
ÚLTIMAS ANÁLISES
  • Análise Playerunknown’s Battlegrounds (PlayStation 4)

    O jogo que popularizou o gênero Battle Royale finalmente foi lançado no console da Sony para a alegria dos jogadores da plataforma PlayStation (e da Bluehole, que agora atinge a maior base instalada dessa geração). A criança prodígio do Brendan Greene chegou a tempo ou tarde demais?

  • Análise Crashlands (Nintendo Switch)

    Originalmente lançado para celulares e posteriormente para PC, a versão de Switch desse RPG de ação em tempo real foi desenvolvida para ser controlado em telas de toque e com controle convencional. O que é perfeito para o console híbrido da Nintendo.

  • Análise H1Z1 (PlayStation 4)

    Na recente tendência dos jogos Battle Royale, H1Z1 estreia no Playstation 4 com a pretensão ambiciosa de bater de frente com Fortnite, o gigantesco sucesso da Epic Games.

  • Análise Bloodstained: Curse of The Moon

    Inti Creates teve a tarefa de entregar a prévia do Bloodstained Ritual of The Night e criou um perfeito sucessor do Castlevania original de 1986.

  • SOBRE
    O Conversa de Sofá é um site com notícias, dicas e tutoriais sobre jogos, análises e novidades sobre os últimos lançamentos e cobertura de eventos.
    Asantee Games
    Ethanon Engine
    REDES SOCIAIS