Análise – Cavaleiros do Zodíaco: Bravos Soldados

Exclusivo do PlayStation 3, assim como seu antecessor, Cavaleiros do Zodíaco: Batalha do Santuário, o jogo aborda as sagas do Santuário, fase dos Cavaleiros de Ouro, Poseidon e a saga de Hades.

Cavaleiros do Zodíaco

Hoje veremos um pouco sobre esse jogo da Bandai, Cavaleiros do Zodíaco: Bravos Soldados (Saint Seya: Brave Soldiers) prefiro título em inglês.

O jogo é exclusivo do PlayStation 3, assim como seu antecessor, Cavaleiros do Zodíaco: Batalha do Santuário. Ele  aborda as sagas do Santuário, quando os cavaleiros de bronze de Athena entram em conflito com os cavaleiros de Ouro, Poseidon, quando os cavaleiros de bronze enfrentam os cavaleiros Marinas de Poseidon, por último a saga de Hades, quando enfrentam os Espectros de Hades.

Tendo em mente que são 3 sagas abordadas, logo você já deve imaginar que há vários personagens disponíveis para jogar. Sim, você está correto sobre isso :D. São vários personagens e suas diversas armaduras, como, primeira armadura de bronze, segunda armadura de bronze, armadura de ouro, escama, e por aí vai.

Pra quem já é acostumado com os jogos saídos de animes não vai sentir diferenças, pois a jogabilidade segue o mesmo padrão de jogo em “espaço livre”, ou seja, você pode se mover livremente pelo cenário. Os comandos são muito simples e separam-se em combos, ataques especiais e ataques “big bang”, que a grosso modo seria Meteóro de Pégaso, Pó de Diamante, Ave Fenix, Cólera do Dragão.

Seya tomando uma sova do Gêmeos

Com relação a história, não segue exatamente a risca os ocorridos no anime, mas também não foge totalmente da realidade que foi, como feito nos jogos do Naruto, que seguem certinho, cada etapa ocorrida no anime é reproduzida no jogo.

Os gráficos do jogo seguem o estilo desenho mesmo, como podemos ver pela imagem acima. Aquele lance de quando o Seya usa o Meteóro de Pégaso, o Shiryu usa o Cólera do Dragão, enfim, quando os personagens usam seus golpes principais, de jogo de câmera, foi muito bem adaptado no jogo, vários angulos quando o cosmo está para explodir e tudo mais :D.

Muitas, quando eu digo muitas realmente são muitas, pessoas criticaram o jogo e foram críticas pesadas, dizendo que pecaram nisso, pecaram naquilo blá blá blá, mas eu, particularmente, não achei o jogo nem um pouco ruim. Claro, vamos ser criteriosos, levar em consideração um público geral, pois a informação que queremos deixar aqui é a verdadeira, não somente a nossa opinião sobre.

Uma boa dica, caso você esteja em dúvida se quer ou não comprar o game, alugue primeiro, faça um test-drive antes de comprá-lo e desfrutar de toda a diversão que pode ter-se quando o game é seu.

Resumindo, mesmo pecando um pouco no modo campanha, Cavaleiros do Zodíaco: Bravos Soldados, é um jogo que você deve ter em seu acervo. Conta com vários modos de batalha, muitos personagens, alteração de características e se você é fã do anime, com certeza você deve ter este jogo.

Gamer desde quando me entendo por gente! Apaixonado por clássicos como The Legend Of Zelda e o SNES. Também conhecido em alguns lugares como Índio. Nas horas vagas, nada melhor do que sentar em frente a TV e ligar um console para passar horas imerso em um mundo onde as leis da física não se aplicam!