Tormenta: O Desafio dos Deuses é um jogo brasileiro financiado através do Cartase

Tormenta: O Desafio dos Deuses faz o jogador sentir a nostalgia da época dos beat’em up e inova unindo elementos de action/RPG como Dungeons & Dragons.

Aos amantes do gênero ação e aventura, apresento-lhes hoje o jogo Tormenta: O Desafio dos Deuses. Fruto do trabalho dos brasileiros da Jambô e do Laboratório de Jogos Digitais da Universidade Feevale, o jogo contou com o apoio de fãs e foi financiando através do Cartase alcançando a marca de 70 mil reais.

O Cartase é uma plataforma de financiamento comunitário, usada para projetos de diversos segmentos, vem sendo usada cada vez mais por desenvolvedoras de jogos para conseguir fundos para tirar seus projetos do papel. Para os mais antenados, é considerado Kickstarter brasileiro.

Tormenta

Tormenta: O Desafio dos Deuses tem inspiração em jogos clássicos como Streets of Rage e Golden Axe, ambos do gênero beat’em up. Tendo muitos elementos de RPG modernos, o jogo é ambientado no universo de Tormenta, uma franquia brasileira de fantasia com dezenas de títulos publicados, entre quadrinhos, como Holy Avenger, romances, como o Inimigo do Mundo.

O jogo se passa no mundo de Arton, um mundo de problemas. Lá, deveremos controlar Sellena e Samson e lutar contra diversos monstros e necromantes, terríveis e sanguinários. Além da campanha solo, o jogo possui multiplayer local e online, customização dos personagens e localização em português, é claro. Essa mistura de beat’em up com RPG trás uma experiência bastante divertida e única.

Tormenta

Tormenta: O Desafio dos Deuses é recomendado aqueles jogadores que curtem o estilo action/RPG e também, querem ajudar a fomentar ainda mais o mercado de jogos brasileiros, os gráficos do jogo são bonitos e a jogabilidade muito divertida. Se você se interessou, o jogo está disponível com exclusividade na Splitplay e custa apenas R$ 34,90. A Splitplay é o primeiro marketplace de jogos indies da América Latina.

É um sul-mato-grossense e tem 27 anos, que começou no mundo dos games jogando Master System e Mega Drive, quando então conheceu o melhor console já criado neste mundo: o Super Nintendo. Já foi dono dos "clássicos" PSOne e PS2 e hoje passa horas disputando partidas nos battle royale da vida ou streamando!