O que sabemos sobre The Quarry até agora

Com o lançamento de The Quarry se aproximando, confira o que você precisa saber antes de embarcar nessa aventura macabra.

The Quarry

Quando a Supermassive Games anunciou, depois do sucesso de crítica e de público de Until Dawn, que lançaria uma série de jogos anuais de horror com jogabilidade e estrutura narrativa similares ao seu maior acerto até então, eu vesti meu uniforme de torcedor desde o primeiro minuto.

Como fã de filmes de terror, principalmente os filmes B, apreciador de livros de mistério e de histórias macabras em geral, eu queria muito que a Dark Pictures Anthology fosse um sucesso, e que os jogos fossem tão bons quanto o próprio Until Dawn.

E apesar dos títulos da antologia melhorarem a cada lançamento, a franquia Dark Pictures é composta de produções com orçamentos — e preço final ao consumidor — mais enxutos. Dessa forma, não é justo comparar o nível de produção da Supermassive em Man of Medan, Little Hope e House of Ashes com o desenvolvimento turbinado pelo cheat code de dinheiro infinito injetado pela Sony em Until Dawn. Apesar dos jogos serem lindíssimos, e eu gostar dos 3.

Dark Pictures Anthology

O game de 2015, estrelando Hayden Panettiere e o futuro ganhador do Oscar, Rami Malek, aparentava ter alcançado um nível de qualidade e adoração que, dificilmente, o estúdio conseguiria repetir no curto prazo. E essa situação pareceu que seria a norma ainda por um bom tempo, até que em março de 2022, a desenvolvedora revelou ao mundo The Quarry.

The Quarry é, sem sombra de dúvidas, um dos jogos mais aguardados por mim deste ano, e tudo apresentado sobre ele até o momento me levam a acreditar que ele tem todas as condições para substituir Until Dawn na preferencia dos fãs.

A história parece muito interessante, os gráficos estão absurdamente lindos, o elenco de atores é fantástico e a jogabilidade tem uma aparência mais refinada quando comparada aos últimos lançamentos.

E neste artigo listo o que você precisa saber (e que nós já sabemos) sobre The Quarry para ajudar na sua decisão de embarcar ou não nessa aventura — que pode não ter volta.

Ted Raimi em The Quarry

História

The Quarry é um jogo narrativo de terror adolescente, e nele acompanharemos o último dia de trabalho dos nove conselheiros do acampamento de verão da Pedreira de Hackett, adolescentes que terão suas vidas colocadas em risco, quando uma noite de festa e diversão se transforma em um inferno de horror e medo, cujo final dependerá das relações construídas, decisões tomadas e, claro, preferência do jogador.

As ameaças surgirão de todos os lados, desde as mais mundanas e tangíveis, até as mais sobrenaturais e sinistras.

Lançamento, plataformas e bônus

The Quarry será lançado em 10 de junho de 2022, totalmente localizado com legendas e dublagem em português do Brasil, com edições digitais e físicas para PlayStation 5, PlayStation 4, Series X|S, Xbox One, e PC através da loja da Steam. As versões digitais contam com duas variações: a Edição Standard e a Edição Deluxe.

A pré-compra de qualquer uma das duas versões garante acesso ao Pacote de Filtros Visuais História de Terror com três filtros cinematográficos que replicam estilos clássicos dos filmes de terror como: terror independente (granulado no estilo 8mm), terror dos anos 1980 (estética retrô das fitas VHS) e terror clássico (preto e branco).

Versões de The Quarry

Já como conteúdo exclusivo da Edição Deluxe, os jogadores terão acesso imediato ao modo Death Rewind, uma mecânica que permite que você volte no tempo e refaça até três escolhas que possam ter levado algum personagem a morte.

Mas calma, se você não quiser adquirir a versão Deluxe, mas mesmo assim quer poder mudar o destino de um protagonista, o sistema Death Rewind é desbloqueado assim que você terminar o jogo a primeira vez.

Dificuldades ajustáveis

The Quarry contará com dificuldades ajustáveis para todos os elementos de jogabilidade, o que permite que jogadores com qualquer nível de habilidade usufruam o horror que o game promete.

E quem preferir assistir ao invés de jogar, o Modo Filme permite que você aproveite o game como uma verdadeira película de terror, e dentro desse modo você pode escolher entre 3 variações: Todos Vivem, Todos Morrem, e Cadeira do Diretor, que permite definir previamente traços de personalidade de cada um dos conselheiros e criar sua própria narrativa baseado nisso.

Compre um leve dois?

Uma dúvida sempre ronda todos nós nessa transição entre gerações: “Se eu comprar The Quarry no PlayStation 4 ou One, terei acesso gratuito à versão de nova geração para a ou Xbox Series?”

E, infelizmente, a resposta é não. Comprar o game digitalmente ou em mídia física para 4 ou One garante acesso somente a essas versões.

Uma alternativa para quem adquiri-lo para a geração passada e depois quiser migrar para a geração atual é comprar um upgrade pago separado. É uma péssima alternativa, mas ela existe.

É importante ressaltar contudo que as versões para 4 e One são jogáveis no PS5 e Xbox Series, por meio da retrocompatibilidade com gerações anteriores.

The Quarry

Elenco de estrelas

Atores renomados e em ascensão participaram das capturas de movimentos e dublagens de The Quarry, que conta com 15 personagens ao todo, sendo 9 deles jogáveis:

Personagens em The Quarry

Multiplayer

Assim como nos jogos da Dark Pictures Anthology, em The Quarry, existem dois modos para multijogadores: um co-op de sofá, para até 7 pessoas, onde — dependendo da quantidade de jogadores — cada pessoa escolhe um ou mais personagens e joga no esquema “passando o controle”, e um modo online para dois jogadores.

Detalhe, o multiplayer online só funciona para jogadores que estejam jogando em consoles de uma mesma geração. Se você tiver um PS4 ou One só poderá jogar com donos desses consoles. PS4 joga com PS4, joga com Xbox Series e assim por diante.

Outro ponto importante é que, apesar do game ser lançado em 10 de junho de 2022, a 2K Games divulgou que a porção online será lançada através de atualização apenas no dia 8 de julho.

David Arquette em The Quarry

186 finais?

Calma, calma, calma! Isso não significa que você precisará jogar o game 186 vezes para assistir a todos os finais, isso quer dizer que as ramificações das suas decisões podem levar a 186 variações de desfechos.

Além dos clássicos todos morrem, todos vivem, apenas alguns vivem ou morrem, a relação entre os personagens a cada momento determinará qual final de cada um o jogador presenciará.

O diretor de The Quarry, Will Byles, confessou à IGN, que os atores se assustaram com o tamanho do roteiro feito para o game, que passou de mil páginas por conta dessas variações.

Para efeitos comparativos, uma script de um filme, normalmente, não passa de 100 páginas, segundo o diretor.

Tudo indica que o efeito borboleta no jogo será algo inédito e bastante significativo.

Duração

Segundo Byles, o game poderá ser completado em cerca de 10 horas, duração similar a de Until Dawn.

Mas como esse é um tipo de jogo que incentiva a repetição, essas horas podem ser estendidas facilmente dependendo de quantas vezes o jogador vai querer salvar seu personagem preferido, ou deixar os mais chatos morrerem de formas variadas.

Referências

Como a Supermassive Games tem se especializado em prestar homenagens ao diversos gêneros de filmes de terror ao longo dos seus jogos, espere várias referências em The Quarry. Uma delas pode ser vista no vídeo de gameplay do prólogo publicado pela IGN americana.

No início do vídeo, após um acidente de carro, Laura encontra uma carta no porta-malas de Max informando que ele não foi aceito na Universidade Landis.

Carta para Max em The Quarry

Essa é uma referência direta a John Landis, renomado cineasta americano, que dirigiu um dos meus filmes preferidos de terror de todos os tempos, que suspeito ter uma ligação especial com o game.

Contudo, vou evitar até mesmo mencionar o título dele para não (potencialmente) estragar a experiência de ninguém se os monstros do jogo tiverem alguma conexão com essa minha teoria.

Além disso, as tomadas em que a câmera “voa” da floresta são claramente influenciadas pela shaky cam de Sam Raimi em .

Então espere muito mais referências vindo por aí, e espere também nosso review completo sobre The Quarry muito em breve aqui no Conversa de Sofá.


Para mais informações sobre The Quarry, visite o site oficial do jogo, Instagram e TikTok, e siga 2K no YouTube, Twitter e Facebook.

Papai Platina
(Pouco) conhecido como Willian. Marido, pai de três filhos maravilhosos, fã de Stephen King, filmes toscos e trophy hunter nas horas vagas. No Twitter como @papaiplatina e willianmarques na PSN.