7 jogos com protagonistas femininas

Já passou da hora dos games e principalmente, os gamers deixarem de lado essa distinção entre homens e mulheres, e felizmente vemos cada vez mais games com mulheres no comando a história.

Nos tempos de hoje ainda se faz muito presente o machismo dentro do mercado de games. Diversos argumentos sem sentido como: “Seu lugar não é aqui”, “Mulheres jogam pior do que os homens”, “Deve estar jogando no easy“, fora os xingamentos e assédio durante as partidas. Por isso esse texto é para exaltar as protagonistas dos games e mostrar que já passou da hora dos games deixarem essa distinção de lado.

1 – ()

Lara Croft no jogo

Começando com a protagonista de uma das franquias mais conhecida no mundo dos games, Lara Croft é uma mulher forte, corajosa, independente e é a maior exploradora de tumbas do mundo dos games, já foi muito sexualizada nos games anteriores devido usar pouca roupa e quando surgiu a nova série Tomb Raider (2013) diversos homens reclamaram que tiraram a essência da personagem.

Mas nos games ela se provou a mesma destemida aventureira dos games anteriores e que sua roupa sendo curta ou longa não iria tirar sua essência. Além de já ter tido várias adaptações para o cinema e aparições em propagandas de TV.

O primeiro game dessa nova fase de Lara Croft, chegou inclusive a estar entre os mais vendidos de 2013.

2 – Yuna ( X-2/ X)

Yuna em Final Fantasy X-2

Yuna é uma daquelas personagens que marcou época nessa franquia que já completou mais de 30 anos. A summoner (invocadora), responsável por salvar o mundo de Spira em Final Fantasy X, retornou com a missão de revelar o que aconteceu com Tidus após a batalha final no primeiro game.

Ao lado de Rikku e Paine, fez parte do único game da franquia com protagonistas exclusivamente femininas.

3 – Ellie (/ Part II)

Ellie

Ellie é a co-protagonista de The Last of Us, game lançado para 3 em 2013, como um exclusivo da Sony. A personagem tem um papel muito importante durante o desenvolvimento da trama do game que se passa em um mundo pós apocalíptico, graças ao seu envolvimento e desenvolvimento com os acontecimentos da história, vemos que ela não é só uma garotinha que precisa ser protegida, e sim uma personagem essencial para a conclusão de The Last of Us.

Também através do DLC ficamos sabendo sobre a sua sexualidade, o que torna ela uma personagem ainda mais representativa. Em 2016 foi anunciado a sequência do game, chamada de The Last of Us Part II, e todos os trailers que saíram até o momento desse post foram relacionados a ela o que nos leva a crer que ela vai ser o centro do próximo do game.

4 – Senua (Hellblade: Senua’s Sacrifice)

Senua

Senua é uma guerreira celta cuja terra natal foi invadida pelos vikings e que teve seu noivo morto durante o ataque. Traumatizada, ela embarca numa jornada para salvar a alma do seu amor, que não teve uma cerimônia de passagem conforme manda sua religião. Com esse objetivo ela deve chegar até Helheim, o submundo dos deuses nórdicos, onde poderá liberar a alma e dar descanso eterno a seu noivo.

Alucinações frequentes e diversas ilusões mostram que Senua está nos primeiros estágios de psicose. É altamente recomendado jogar com um bom fone de ouvidos, pois no decorrer do game ouvimos as diversas vozes que se manifestam pela cabeça da moça. Muito do que vemos nas florestas pode ser fruto de sua imaginação, e nós experimentamos esse mundo cada vez mais à medida que sua sanidade se fragmenta. Em 2017 no “The Game Awards”, a atriz Melina Juergens que fez o papel de Senua ganhou o prêmio na categoria Melhor Interpretação, premiação muito justa por sinal. Ao contrário de muitos personagens, Senua demonstra ser frágil e insegura. Contudo, sua maior força está na resistência e na perseverança, características de uma verdadeira sobrevivente.

5 – Alloy (Horizon: Zero Dawn)

Alloy

Alloy é uma caçadora que vive em um mundo pós apocalíptico onde as máquinas dominaram o mundo e ela deve usar de suas habilidades, velocidade e esperteza para continuar viva e proteger sua tribo contra a força, poder bruto e tamanho das máquinas que habitam esse universo.

Além disso também temos que descobrir seu passado coletando varias informações ao longo da história e revelar os mistérios que a cercam por conseguir usar o “Foco”, um aparelho capaz de escanear criaturas e ambientes.

6 – Miriam ()

Miriam

Miriam é uma personagem que foi órfã durante a infância e foi acolhida por um grupo de alquimistas que fizeram um experimentos com ela que a tornaram capaz de absorver cristais demoníacos que a fariam ganhar novas habilidades. Durante o game é revelado mais de sua história e somos levados a encarar um velho amigo de infância: Gebel. Nossa missão é encerrar o seu reinado de terror e também achar uma forma de reverter a sua maldição de absorver os cristais. É uma personagem extremamente forte e com muito carisma e quanto mais progredimos no game vemos o quanto ela deseja proteger os seus entes queridos.

7 – Samus Aran (Metroid)

Samus Aran

E por último a “mãe” das protagonistas femininas nos games: Samus Aran. Sua primeira aparição foi lá em 1986 em Metroid para NES, quem via aquela pessoa em uma armadura e portando um canhão nunca imaginaria no final do game que seria protagonizado por uma mulher, esse plot twist causou muito alvoroço na época.

Sozinha ela explora o espaço e enfrenta hordas de inimigos – sejam piratas espaciais, sejam criaturas hostis dos planetas nos quais pisa – além de demonstrar um lado maternal ao “adotar” a última criatura de uma espécie, o Metroid. Sua aparição mais recente estrelando um game foi em Metroid: Samus Returns, um excelente game para o Nintendo 3DS.

Batizado pelo Mega Drive, desenhista nas horas vagas e todo dia um rage diferente.