Análise Psikodelya (PC)

Se você curte rave, cores vivas, ou até a música dos Beatles: Lucy in the Sky and Diamonds, o jogo Psikodelya é ideal para você!

Logo de começo já temos um aviso um tanto quanto peculiar pois não há muitos jogos hoje em dia que causam esse tipo de efeito nas pessoas, um ponto bem positivo pois pensaram em quem pode sofrer desse mal.

Pequeno aviso inicial avisando que não é recomendado para pessoas com epilepsia

Se preparem para a trip

No inicio vamos de cara com um cogumelo em um mundo todo branco, e só nos resta ingerir esse cogumelo, depois somos tele transportados para outro mundo já com a visão um pouco distorcida num espaço vasto e com outro cogumelo na nossa frente que só nos da a opção de ingerir também e deixa a visão mais turva e em seguida somos tele transportados novamente e então começa o jogo de verdade.

tem um objetivo de imersão diferente que da o efeito de como seria se estivéssemos sobre o efeito de alucinógenos, porém estes mesmos motivos podem fazer com que algumas pessoas tenham tontura, um leve mal estar e agravar isso dependendo do tempo de jogatina, então é recomendado parar um pouco e descansar para que isso não afete de forma negativa a sua experiência.

Dew Forest

Com vários puzzles durante o percurso, o jogo te proporciona diversos desafios e enigmas procurando cartas e “ácidos” para abrir os portais das próximas fases. Os comandos do game são simples e fáceis de se memorizar, altamente customizáveis e responsivos. Entretanto alguns pequenos detalhes podem acabar confundindo novos jogadores. Algo que também no início pode confundir novos jogadores é o fato do botão de “crouch” (Agachar) estar definido como “toggle” e não haver maneira de mudar para “hold” (Segurar) como na maioria dos FPS, mas após alguns minutos de jogatina acostuma-se com isso.

“Fique tranquileba”

No decorrer dos jogos achando os “ácidos” várias figuras conhecidas aparecem como Rick and Morty, Salsicha e Scooby-Doo, Link (da série de jogos The Legend of ) e diversas cartas com frases em português (já que o jogo é nativo daqui) e muitas citações filosóficas mencionadas até mesmo por Einstein!

Como o próprio nome do jogo sugere, prepare-se para uma viagem muito louca em um mundo mais louco ainda com muitos puzzles e desafios para se vencer mesmo com a visão turva e tente decifrar o que é real e o que não é.

Andrey Mota
Batizado pelo Mega Drive, desenhista nas horas vagas e todo dia um rage diferente.