Tudo o que sabemos até agora sobre Streets of Rage 4

Estamos todos ansiosos para o lançamento de Streets of Rage 4, e apesar da data ainda não ter sido revelada, já sabemos algumas coisas para alimentar nosso hype sobre o clássico de briga de rua.

Trazendo uma alta dose de nostalgia aos saudosistas dos anos 90, a depois de 25 anos desde o lançamento do último título, vai lançar 4 (ou para muitos “Briga de Rua”) o título foi desenvolvido para , PS4, Xbox One e Nintendo Switch.

Trazendo à tona o mesmo estilo de gameplay das antigas o jogo vai reunir personagens clássicos e inserir alguns novos. Desde seu anúncio em 2018, novas informações vem sendo reveladas aos poucos, talvez para não dar muitos spoilers ou deixar o hype nas alturas mesmo (que por sinal está dando certo). Quem cuida do são as codesenvolvedoras DotEmu, Lizardcube (Wonder Boy: The Dragon’s Trap) e Guard Crush Games (Streets of Fury EX), o jogo é inteiramente desenhado à mão e o estilo procura trazer uma atmosfera urbana suja, cheia de efeitos de luzes e , que são indispensáveis à trilogia clássica, além de fluidas. Confira, a seguir, todas as informações divulgadas sobre o jogo até o momento.

Personagens

Logo de cara reconhecemos o trio monstro de policiais Axel Stone, Blaze Fielding e Adam Hunter. Eles agora estão acompanhados de duas novas caras: Cherry Hunter, a filha do famoso Adam Hunter, que toca guitarra com a sua banda em uma das regiões mais perigosas de Wood Oak City, e Floyd Iraia, um lutador bruto que, embora seja um pouco mais pesado, conta com longo alcance e golpes elétricos graças aos seus braços cibernéticos instalados por Dr. Zan — o cientista ciborgue do terceiro jogo da série.

O jogo vai contar com um online para 2 pessoas e offline de até 4 pessoas, e isso vai fazer com que os personagens trabalhem a sinergia entre os golpes.

Axel teve poucas mudanças em seus golpes, Adam está mais ágil e pode se esquivar facilmente dos inimigos, Cherry e Blaze executam golpes acrobáticos levantando os inimigos enquanto Floyd pode finalizá-los.

Combos e mais combos!

Assim como nos 2 títulos anteriores os golpes especiais estão de volta para deixar os combos ainda mais poderosos, porém com o detalhe que você perde uma parte da vida e fica com uma barra verde no lugar que pode ser recuperada ao bater nos inimigos, mas se você tomar um hit ela não regenera mais, além de existir uma barra com 3 níveis para dar os especiais.

E assim como a bazuca do primeiro jogo você tem esse quarto especial, mas que é limitado 1x por fase, mas que também pode ser recarregado encontrando a “munição” adequada. Outros elementos da franquia permanecem em Streets of Rage 4, mas passaram por uma remodelagem, as armas no meio do caminho permaneceram e agora há um botão dedicado para isso no controle, para prevenir que o jogador pegue um item sem querer na hora de dar um golpe, assim fica mais fácil manusear o item, já que você tem um botão simples para arremessá-lo e até pegar no ar novamente o que ajuda bastante se você tiver com algum personagem meio lento ou estiver lutando contra um inimigo que precisa manter distância. Fora o dinamismo também permitindo combos no ar, com golpes combinados entre os jogadores.

Vai continuar o legado?

Streets of Rage 4 tem tudo para ser aquele game nostálgico que os jogadores estavam esperando. Quem passou pelos outros três da série, com certeza vai perceber muita coisa que ou reaparece aqui, ou é citado como uma referência. Nas batidas envolventes volta o Yuzo Koshiro acompanhado de Motohiro Kawashima, os compositores originais da série. Os dois conseguem, mais uma vez, oferecer momentos de música mais agitados ou lentos de acordo com o ritmo do jogo, então já vai preparando um bom fone de ouvido para ouvir com clareza.

Não esquecendo as origens

A Limited Run Games anunciou também oficialmente as versões físicas de Streets of Rage 4 para 4 e Nintendo Switch. O jogo será lançado em formato digital para 4, Nintendo Switch, Xbox One e Steam.

Na versão física, teremos as versões Standard, Classic e Limited, que vem acompanhadas de conteúdos diferentes.

Na Standard teremos somente o jogo no formato físico, já na Classic teremos diversos extras, como um SteelBook, capa reversível e uma caixa totalmente personalizada do , onde será possível guardar o jogo junto do SteelBook:

O conteúdo da versão Limited ainda não foi revelado.

Recentemente, foi revelado também que Streets of Rage 4 terá localização completa para o brasileiro quando for lançado. Com uma base de fãs gigantesca no país, essa é a primeira vez que um título da série terá textos, menus e interface no idioma local.

Streets of Rage 4 ainda não tem data de lançamento específica, mas deve chegar para PlayStation 4, Xbox One, PC e Nintendo Switch no outono brasileiro. Ou seja, até junho de 2020. Estamos empolgados para o lançamento do game e também para trazer o review do jogo o mais rápido possível, não deixe de nos acompanhar nas redes sociais também para mais atualizações.

Andrey Mota
Batizado pelo Mega Drive, desenhista nas horas vagas e todo dia um rage diferente.