Análise Monster Jam Steel Titans (PlayStation 4)

Monster Jam Steel Titans leva a loucura dos circuitos Monster Jam para o PlayStation 4.

monster jam arte

As coisas que aprendemos com os videogames. é um evento esportivo automobilístico que ocorre desde os anos 90, nos Estados Unidos e consiste em disputas entre picapes modificadas com pneus gigantescos, os Monster Trucks que são as estrelas tanto como nos circuitos que reúnem milhares de fãs quanto nesse título, desenvolvido pela Rainbow Studios e publicado pela Nordic.

Steel Lord on Wheels

Diferentemente do que eu cheguei a imaginar a princípio, Monster Jam não se trata apenas de de Monster Trucks, como acontece com a divertida Fórmula Truck. Mesmo tendo corridas como parte da disputa, o evento envolve ainda embates pelo tempo mais rápido e disputa de manobras free style! Essa variedade tem vantagens e desvantagens envolvendo, majoritariamente, a apresentação e os critérios de pontuação. Mas já chegaremos nisso.

O jogo, que é exclusivamente para um jogador (uma pena), inicia em uma “Universidade” onde uma narradora nos apresenta ao básico do jogo, na verdade ela pede que o jogador cumpra algumas tarefas como passar por pontos marcados no mapa, parar o veículo após uma aceleração e estacionar, por exemplo. Pessoalmente, eu penso que esse tutorial poderia ser mais detalhado e objetivo, embora seja possível acessá-lo livremente a qualquer momento. Passado o tutorial, o jogo apresenta alguns modos de jogo (um contra um, torneio, corrida por tempo) e o principal deles, o modo carreira onde começaremos com o status de amador, claro. Recomendo muito que se comece por esse modo pois nele os desafios estarão ordenados de maneira progressiva, indispensável nesse jogo que não possui auxílios para jogadores casuais.

Universidade Monster Jam
Vivendo e aprendendo

Ride The Sky

Uma vez entendido que iniciantes devem começar com desafios fáceis, o jogo te coloca em uma série de corridas contra cinco outros caminhões que não serão um desafio muito grande se você fizer tudo como manda o figurino: correr dentro da pista, controlar os pulos e curvas. Essas costumam ser um desafio à parte nos circuitos abertos por alguns motivos sem relação com a jogabilidade, infelizmente.

Os veículos do jogo são grandes. Monstruosos, pra ser mais adequado. Ocupam boa parte da visão que temos da pista e para mim, que estava conhecendo o traçado pela primeira vez, me antecipar às curvas era bem difícil. O HUD não possui mapa da pista e os marcadores de curva, grandes setas amarelas incandescentes, deixa bastante dúvida sobre o que estão apontando. Apesar de confuso, isso só ocorre nas pistas de “mundo aberto”. Nos circuitos, o traçado é bastante claro e dispensa qualquer indicação além do que já existe e passada essa etapa inicial, chegamos aos torneios profissionais em que os estilos de disputa se alteram.

conserto do pneu do monster truck
Ninguém vai fazer seu trabalho por você

Os controles dos caminhões são simples e não há troca de marchas ou habilidades para ativar, mas só a simples aceleração já é capaz de iniciar manobras e combos graças ao próprio conceito dos Monster Trucks. Aquelas rodas gigantescas e o motor potente transformam os caminhões em máquinas saltadoras, e porque não dizer, voadoras. Mas grandes poderes trazem consigo a responsabilidade do piloto (sim, é uma referência a Kung-Fusão) que precisará dosar a mão nos controles ou seu veículo pode virar uma máquina de break-dance caída de lado no chão, girando sob o próprio eixo descontroladamente.

Esse é o maior desafio dos modos que envolvem manobras. Colocar o caminhão em duas rodas pode ser um “problemão” caso você escolha ser um jogador técnico que irá posicionar cuidadosamente o veículo no caminho de algum obstáculo, enquanto que essa é uma manobra conseguida em questão de algumas tentativas se decidir deixar as leis da física controlarem o destino da picape dando saltos aleatórios em todo quebra-molas e montes de terra que encontrar. Esse detalhe pode ser um pouco frustrante para quem esteja buscando um título com campanha linear pra perseguir em vez de um jogo com carros absurdos capazes de manobras mais absurdas.

linha de chegada Monster Jam
Fim da linha!

Let it Be

é um jogo com contrastes. É muito bonito e reproduz com maestria a física de controle dos Monster Trucks, com todos os exageros que vem com o pacote, da aceleração poderosa aos saltos incríveis com violenta volta ao solo. Mas peca quando suprime algumas opções – tente reiniciar uma corrida, por exemplo – e em alguns elementos de apresentação que fariam a experiência do jogador ser mais suave, deixando os solavancos só pras pistas. Isso dito, estamos falando de corridas de Monster Truck. Steel Titans não é nenhum Gran Turismo e não pretende ser, e é um dos poucos jogos do gênero que você irá encontrar então, pese suas prioridades e se decidir que seu coração precisa dessa mistura de poeira, borracha e diesel, venha sem medo para os circuitos Monster Jam.

vitória em monster jam
No time for losers ’cause we are the champions
Let's rock and ride!